2 de abr de 2010

"PÁSCOA"

Pensei várias coisas e em vários momentos nestes últimos dias para postar no blog sobre a Páscoa.
E confesso que quando é para falar da ressurreição de Cristo, não vem verso e nem poema o que me vem, é um sentimento forte que me move a dizer que a Páscoa é o dia mais importante do ano para mim.
Pois nascer todos nós nascemos...Mas ressucitar somente Cristo.
Participar do "Triduo Pascal" é muito importante e por muitos anos eu vivi na ilusão de que a Semana Santa terminasse na Sexta e celebrava apenas a morte do Senhor e no sábado eu ia por muitas vezes para balada celebrar o "Aleluia".
Quanta ignorância! Quanto tempo perdi e quantas Páscoas passadas e celebradas pelo chocolate, pelo churrasco de domingo e sem viver verdadeiramente o sentido da "Ressurreição do Senhor".
Depois que descobri o "Caminho Neocatecumenal" foi que pude verdadeiramente viver a Páscoa Sagrada em Nosso Senhor Jesus Cristo, foi aí que percebi que Deus renasce dentro de mim e me dá a oportunidade de recomeçar sempre.
Viver mais essa Páscoa é um previlégio e poder estar reunido com minha comunidade é ainda melhor. Não vejo a hora de poder estarmos reunidos e celebrando o Deus vivo, o Deus ressucitado, o filho que morreu por nossos pecados e que nos dá mais uma oportunidade de estarmos junto dele.
Hoje ainda na Celebração do Beijo na Cruz eu dizia: Que reconhecermos que Deus morreu por nossos pecados é fácil o difícil é morrermos pelo outro, a mulher morrer pelo marido, o marido morrer pela esposa, o pai ou mãe morrer pelo filho e vice versa. Até aí ainda é fácil o difícil mesmo é morrermos por nossos inimigos, morrermos por quem nos deseja o mal, por quem nos odeia e por quem muitas vezes nos leva não apenas a pecar, mas nos tira do sério, nos tira a paz, o sossego, o ânimo.
Morrer por essas pessoas é viver e ressucitar com Cristo. É nos humilhar mesmo sabendo de nossa razão, de nossas verdades, para ficarmos bem com o próximo.
Falar é fácil o difícil é vivermos de verdade no amor de Cristo!
Esta`Páscoa para mim tem um sentido diferente, pode até ser a última de minha vida, não sei, mas que estou muito anciosa esperando sua chegada eu estou.
Talvez seja pelo fato de que nunca estive vivendo dois momentos tão antagônicos em toda minha vida como agora. Estou vivendo o meu pior e o meu melhor momento. Deve-se estar se perguntando como? Já explico:
O pior porque nunca vivi tantas tribulações ao mesmo tempo.
Melhor porque nunca me senti tão próxima de Deus como agora.
Ele tem me libertado de muitas coisas e tem feito um milagre a cada dia em minha vida.
Eu não posso deixar de retribuir tudo que tem feito por mim. Tem me fortalecido a cada dia e digo uma coisa: " O que não me mata me fortalece".
Passaria horas e horas relatando tudo de bom que Deus tem feito por mim apenas neste último ano que se passou até hoje e de tudo que tem me livrado.
Ele tem me preparado para suportar as tribulações e tem realizado promessas em minha vida. Eu tenho um amor muito grande por Deus!
Neste tempo quero estar com ele para ressucitar junto com ele e poder fazer diferente tudo que tenho feito até agora.
Deixo aqui as leituras da Vigília Pascal para que se cada um tiver a oportunidade ao menos de ler uma delas saberá do que estou falando.

LITURGIA DA PALAVRA – VIGÍLIA PASCAL


PRIMEIRA LEITURA: Gn 1,1-2:2

SEGUNDA LEITURA: Gn 22,1-18

TERCEIRA LEITURA: Ex 14,15-15,1

QUARTA LEITURA: Is 54,5-14

QUINTA LEITURA: Is 55,1-11

SEXTA LEITURA: BR 3,9-15.32-4,4

SÉTIMA LEITURA: Ez 36,16-28

OITAVA LEITURA: Rm 6,3-11

EVANGELHO: Lc 24,1-12






http://www.nme.com/awards/video/id/kbXHxbPXN1U/search/neocatecumenato

Nenhum comentário:

Postar um comentário