30 de nov de 2010

SALMO 27



1 O Senhor é a minha luz e a minha salvação; a quem temerei? O

Senhor é a força da minha vida; de quem me recearei?


2 Quando os malvados investiram contra mim, para comerem as minhas carnes, eles, meus adversários e meus inimigos, tropeçaram e caíram.


3 Ainda que um exército se acampe contra mim, o meu coração não
temerá; ainda que a guerra se levante contra mim, conservarei a
minha confiança.

4 Uma coisa pedi ao Senhor, e a buscarei: que possa morar na casa do Senhor todos os dias da minha vida, para contemplar a formosura do Senhor, e inquirir no seu templo.
5 Pois no dia da adversidade me esconderá no seu pavilhão; no
recôndito do seu tabernáculo me esconderá; sobre uma rocha me
elevará.

6 E agora será exaltada a minha cabeça acima dos meus inimigos que estão ao redor de mim; e no seu tabernáculo oferecerei sacrifícios de júbilo; cantarei, sim, cantarei louvores ao Senhor.


7 Ouve, ó Senhor, a minha voz quando clamo; compadece-te de mim e responde-me.


8 Quando disseste: Buscai o meu rosto; o meu coração te disse a
ti: O teu rosto, Senhor, buscarei.

9 Não escondas de mim o teu rosto, não rejeites com ira o teu servo,
tu que tens sido a minha ajuda. Não me enjeites nem me desampares, ó Deus da minha salvação.


10 Se meu pai e minha mãe me abandonarem, então o Senhor me acolherá.

11 Ensina-me, ó Senhor, o teu caminho, e guia-me por uma vereda
plana, por causa dos que me espreitam.

12 Não me entregues à vontade dos meus adversários; pois contra mim se levantaram falsas testemunhas e os que repiram violência.

13 Creio que hei de ver a bondade do Senhor na terra dos viventes.


14 Espera tu pelo Senhor; anima-te, e fortalece o teu coração;
espera, pois, pelo Senhor.

29 de nov de 2010

BY ORKUT DA CAMILLA

''Uma das mais saborosas sensações de liberdade que eu conheço é flagrar meu  coração feliz sem precisar de nenhum motivo aparente. De vez em quando, a mente, que tantas vezes mente, me permite lembrar que essa felicidade essencial está o tempo todo disponível, preservada, por trás das nuvens que a negatividade infla.
Rio e me sinto mar.''

PENSAMENTO DO DIA



 "O sucesso não é o final e o fracasso não é fatal: o que conta é a coragem para seguir em frente"

28 de nov de 2010

RIO DE NOVEMBRO


Acompanhei agora de manhã toda a operação de ocupação do Complexo do Morro do Alemão e quem puder acompanhar pelo Twitter vai ter informações da hora do acontecimento.
Tem alguns garotos ligado à um jornal local do Complexo do Alemão chamado A VOZ DA COMUNIDADE que estão informando os twitteros na hora do acontecimento.
Segue abaixo algumas das mensagens desses garoros:


Neste momento 4 helicopteros sobrevoam as comunidades formadas pelo complexo do alemão!!!

Sigam @ @ e @ que estão atualizando este twitter com informações da comunidade.

Nao RT @ @ tem morador refem de bandido ae?

RT @ Comandantes da Pm disseram a pouco que vão invadir toda a comunidade até o meio-dia!!!!

09:32 - Tiroteio agora

09:25 - Acabamos de ouvir novos disparos!

Essas imagens q estão aparecendo da JOAQUIM DE QUEIROZ q parece uma certa destruição não é por causa de tiros e etc. são as obras do PAC!

Policiais se cumprimentam e se abraçam antes de operação e desejam boa sorte um para o outro antes de subirem o morro.


MAIS TARDE VOU COLOCAR INFORMAÇÕES ATUALIZADAS

27 de nov de 2010

SEMANA DE COMBATE AO CÂNCER DE MAMA EM PAIÇANDU/PR FOI UM SUCESSO



















Depois das imagens acima nem preciso dizer muita coisa.
Parabenizo a Vereadora Eliana Fuzari ( Autora da Lei Municipal) e Coordenadora das atividades no Município de Paiçandu e confesso a todos vocês que é muito gratificante ver uma iniciativa dando certo.

INSTITUÍDO DIA 27 DE NOVEMBRO COMO SENDO O DIA MUNICIPAL DE COMBATE AO CÂNCER DE MAMA LEI 1929/2009



DIA DE NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS


Quero neste momento lembrar que hoje é dia de Nossa Senhora das Graças.
Lembrar também o quanto ela tem intercedido junto a Deus Pai  e a Deus filho neste momento difícil que estou passando em minha vida.
Sou devota de Nossa Senhora das graças e ela  sempre tem me ajudado a suportar e a superar as provações.
Em agradecimento farei agora uma oração à Nossa Senhora das Graças:


Nossa Senhora me ilimine sempre
Onde quer que eu esteja
Sempre me guarde e me ilumine
Seja minha proteção e que
A sua luz me guie


Solicito que não me abandone
Entre no meu coração e ajuda-me a
Não lamentar e a sempre
Honrar meu Deus e meu Senhor
Olhe para mim neste momento em que
Rogo a ti e a Deus Pai e a Deus Filho e
Ao Espírito Santo.


Dai forças para que eu entenda
A história que Deus está fazendo em minha vida
Santa mãe olhai-me!


Guia-me agora e sempre para que eu não me perca
Reconheço que minha vida depende do Senhor e,
Ainda há tempo de recomeçar 
me de forÇas mãe amada
Ajuda-me a
Superar com amor e sabedoria. AMÉM

A reportagem do New York Times sobre as UPPs

A foto é o que mais me chama a atenção. Como Leonardo Bento, um dos jovens da reportagem abaixo, nós aprendemos a ver a polícia como um grupo desumano. E gostaríamos de aprender a enxergá-la de outra forma

RIO DE JANEIRO – Leonardo Bento desejava vingança depois que um policial matou seu irmão de cinco anos de idade. Então, quando ele ouviu que a nova unidade de polícia pacificadora na favela da Cidade de Deus estava oferecendo aulas de karatê sem cobrar nada, Sr. Bento se inscreveu, esperando que ao menos começasse a bater no instrutor de karatê.

Mas o inesperado aconteceu. Eduardo Silva, o instrutor de polícia, conquistou-o [Sr. Bento] com humor e um aperto de mão. “Eu comecei a perceber que o policial na minha frente era apenas um ser humano e não o monstro que eu tinha imaginado,” Sr. Bento, 22, disse.

Anos de ódio e desconfiança estão descongelando em algumas das favelas mais violentas do Rio. Forçados a aliviar problemas de segurança da cidade antes do duplo xeque-mate no palco mundial – a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016 -, oficiais do Rio embarcaram no ambicioso plano de acabar com o controle das favelas das implacáveis gangues lideradas por traficantes, que comandaram o terror por anos com o auxílio de armas de guerra.

Os “oficiais da paz” são o centro do esforço, tomando controle depois da polícia militar limpar as ruas em batalhas armadas que podem durar semanas. O trabalho deles é metade um esforço militar tradicional, metade trabalho social. Eles se dedicam a conquistar os moradores assustados por décadas de violência – em algumas ocasiões por causa da polícia. E as dicas dadas por aqueles que apoiam o esforço, oficiais dizem, ajudam-nos a manter a paz.
Por décadas, a Cidade de Deus – cujo passado brutal foi imortalizado num filme de 2002 – foi um dos bairros mais temidos da cidade, tão perigoso que até mesmo a polícia raramente ousava entrar.

Aqueles dias parecem um passado distante. Tráfico de drogas ainda existe, e ao menos numa área, visitantes só podem entrar com permissão de jovens residentes que patrulham a área.

Entretanto, os homens com grandes armas já se foram, ou pelo menos entraram na clandestinidade. E a vida está voltando à normalidade nas ruas.

As crianças agora brincam nas ruas sem medo de balas perdidas. Eles pulam cordas e jogam tênis-de-mesa com raquetes feita de telhas. Jogos de futebol, antigamente um fato perigoso, tem se tornado algo mais civil, e agora até policiais se juntam à equipes.

Mas após quase dois anos depois da primeira unidade de polícia chegar, muitos moradores nesta comunidade de 120.000 pessoas ainda luta para aceitar que os 315 policiais trabalhando em turnos de 12 horas ao seu redor já não são mais inimigos. Outros acolhem a paz, mas ainda desconfiam, temendo que a força policial – formalmente chamada “Unidade de polícia pacificadora” – saia depois que as Olimpíadas terminem.

“Ninguém gosta de nós aqui,” Oficial Luis Pizarro disse durante uma recente patrulha noturna. “Pode ser frustrante às vezes.”

Oficial Pizarro e dois outros oficiais faziam ronda ao longo de um estreito rio cheio de lixo e cheirando a excrementos humanos e animais. As famílias se reuniam ao redor de fogueiras improvisadas. Mulheres dançam samba enquanto os homens bebem cachaça, a bebida brasileira feita da cana. Quase ninguém acenou ou cumprimentou os oficiais, que chegaram por um corredor cheio de papéis coloridos utilizados para embalar crack e cocaína.
“Lá vai a Tropa de Elite,” disse um homem encostado na porta, rindo enquanto os três policiais iam embora.

A hostilidade não é difícil de compreender. Por décadas, oficiais do governo se recusaram a tomar a responsabilidade das favelas, e enquanto gangues de traficantes construíram trincheiras de armas, tornou-se difícil para a polícia entrar na favela sem confronto. Os moradores culpavam a polícia pelo abandono, e xingavam-nos pela brutalidade que marcavam as suas invasões sangrentas.

Sem a presença policial diária, os serviçoes da cidade penavam, e doutores e outros profissionais começaram a evitar a favela por motivos de segurança. Traficantes líderes de gangues se tornaram juíz e júri.

“As pessoas não tinham coragem” de retomar a favela, disse José Mariano Beltrame, que se tornou Secretário de Segurança Pública no Rio em 2007. “As pessoas preferiam empurrar a poeira para debaixo do tapete para evitar o confronto com o problema.”

As favelas raramente se entregam sem luta. Ao menos oito pessoas morreram na Cidade de Deus em 2008 nas primeiras investidas policiais. Espera-se que essas batalhas se espalhem à medida que a polícia entre em novos bairros. Até agora, eles já instalaram 12 unidades pacificadoras, cobrindo 35 comunidades. Mas Sr. Beltrame planeja estabelecer unidades em 160 comunidades até 2014, incluindo favelas como Rocinha e Complexo do Alemão, que são maiores do que Cidade de Deus.

Numa recente noite de domingo, uma dúzia de homens andavam livremente pela Rocinha com rifles e armas de guerra. Um deles carregava um lançador de granadas.

Por Alexei Barrionuevo

Contribuição de Myrna Domit

Tradução Fernando Teruo

 

TIRADO DO SITE  DE  MARIA FRÔ   mariafro.com.br

26 de nov de 2010

SENHOR AJUDA-ME

Senhor Jesus nesta manhã quero lhe pedir que interceda por mim junto a Deus Pai.
Tenho muito o que agradecer por tudo que tem feito por mim ao longo da vida e por todas as conquistas e vitórias.
Mas neste momento quero pedir que olhe para mim e AJUDA-ME!
AJUDA-ME a ter força para suportar as provações e as dificuldades.
AJUDADA-ME a ter sabedoria e entender que tudo que estou passando é para o meu crescimento Espiritual.
AJUDA-ME a compreender que é difícil ... mas vai passar...
Passar para eu ter a glória de estar contigo um dia.
Senhor sei que não é fácil fazer a sua vontade, sei que o mundo quer me engolir e tenho me enganado muitas vezes, buscando minha segurança no meu trabalho, nos relacionamentos com as pessoas, no dinheiro.
Mas neste momento Pai em que me encontro sem nada, somente contigo, eu peço: AJUDA-ME!
Mostre-me o que devo fazer.
Mostre-me onde posso me confortar e encontrar a saída
Senhor Deus Pai Santo eu necessito do seu auxílio nesta manhã para enfrentar as provações e as dificuldades.
Coloque um anjo no meu caminho, eu preciso saber Senhor e entender de verdade a história que queres fazer na minha vida.
Senhor obrigada por me dar sua  força quando o mundo quer me provar que sou fraca.
Senhor obrigada por me dar vida para que eu seja capaz de reverter a situação e recomeçar, quando o mundo tenta me enganar e me dizer que devo acabar com tudo.
Sei que não estou só e tenho o Senhor aqui comigo.
Senhor obrigada por ter paciência comigo e não me abandonar  à morte.
Senhor me ilumine e me carregue neste momento em que a única força que sinto é a do seu AMOR por mim.
Pai de misericórdia e de bondade tende misericórdia de mim.
AJUDA-ME!!!

25 de nov de 2010

Paulo Bernardo deve ser o ministro das Comunicações no governo Dilma

Paulo Bernardo, atual ministro do Planejamento, deve ser o novo ministro das Comunicações do governo da presidente Dilma Rousseff. Bernardo já trabalha para se inteirar dos temas da pasta e teria aceito o cargo dentro da perspectiva de que o Minicom será, no próximo governo, um ministério importante, responsável pelo Plano Nacional de Banda Larga, pela recuperação dos Correios (que voltarão a ter gestão técnica e não devem mais ser objeto de negociação política com a base do governo), Telebrás recuperada e operante, por fim, responsável pelas (complicadas) negociações para a Lei de Comunicação Eletrônica. Vale lembrar que Paulo Bernardo esteve à frente da intervenção nos Correios realizadas depois da saída da ex-ministra Erenice Guerra.
Segundo fontes de alto escalão do governo, Paulo Bernardo só não ficará com as Comunicações se tiver que ser escalado para uma função mais importante. Nesse caso, a Casa Civil, que estaria definida em favor de Antônio Palocci. Esta semana, Paulo Bernardo foi formalmente confirmado para compor o ministério de Dilma, mas não se informou qual seria a pasta. Casa Civil, Comunicações e Cidades estavam entre as possibilidades.

O Ministério das Comunicações deve ter seu papel de formulador de políticas na área de telecomunicações e radiodifusão recuperado, com secretarias fortes e atuantes em todos os setores. Deve ser criada, inclusive, uma secretaria de inclusão digital.

24 de nov de 2010

Oração ao Espírito Santo

Lula concede entrevista a blogueiros nesta quarta

O presidente Lula concederá inédita entrevista coletiva nesta quarta-feira (24), às 9 horas, no Palácio do Planalto. Pela primeira vez, ele será entrevistado por blogueiros oriundos de várias regiões do país. Dez blogs foram escolhidos para a missão.

O gesto de Lula inverte a lógica de governantes anteriores que sempre privilegiaram a grande mídia coligada aos grandes conglomerados econômicos em detrimento da mídia alternativa e mais comprometida com as transformações sociais.

Essa inversão da pirâmide, onde os blogs passam a influenciar mais na vida política brasileira, poderá ser realçada no governo de Dilma Rousseff (PT). As condições para que isso ocorra estão sendo iniciada pelo presidente Lula nesta semana.

Aliás, quando o presidente da República se dispõe a receber em Palácio rádios e jornais regionais ele sinaliza claramente o desejo de democratizar a informação. E isso ocorreu ao longo das duas gestões de Lula, principalmente no segundo mandato.

Lula termina o governo com chave de ouro ao conceder a entrevista ao pool de blogueiros. Este blog vai transmitir, ao vivo, o encontro em Brasília.


VIA BLOG DO ESMAEL
http://esmaelmorais.com.br/?p=37334

22 de nov de 2010

AMOR ESCAFANDRO E BORBOLETA

Kleber é o nome dele
Leal  e amigo são as palavra que mais o define
Ele marcou minha história pelo tempo e pela dimensão do sentimento
Belos foram os momentos em que passamos juntos
E ainda fizemos promessas ... Sonhamos juntos...
Recordo cada instante como se fosse hoje, Cada música, cada gesto e cada olhar.

Eu cheguei acreditar que era para sempre
Um dia tive a certeza que ele também...

Nossos caminhos tomaram rumos diferentes e
Uma linda história de amor inventada e que
Na verdade nunca saiu da ficção de minha cabeça,
Como em um conto de fadas o sapo não virou principe e ficou apenas
A lembrança de um sapatinho perdido.

Tenho certeza que cada dia ele olha para o sapatinho (lembranças)
E pensa se vale ou não a pena ir atrás da gata borralheira e transformá-la.

Estamos longe dos olhos e
Sempre dentro do coração um do outro
Quero e desejo que seja feliz e
Uma coisa eu tenho certeza...vai comigo onde eu for
Esteja eu aqui ou aculá !
Coisas do coração adormecem, mas nunca desaparecem!
Eu também seguirei meu caminho... Serei muito feliz!
Recordarei sempre a história de um violeiro apaixonado e uma dama escafandro
E borboleta que seguiu por este mundo em busca dos seus sonhos
Iluminados e guiados por Deus e suas intuições.

20 de nov de 2010

Desfile das Mulheres Guerreiras

Quero parabenizar a Vereadora Eliana Fuzari por sua dedicação e trabalho frente à luta contra o Câncer de Mama. Amanhã dia 21/11/2010  a partir das 9 da manhã, acontecerá o desfile das Mulheres Guerreiras de Paiçandu.
Mulheres que assim como eu,  já passaram ou estão passando por um Câncer de Mama.
 LURDES, PALMA, NILCEIA, KATIA E RITA com ELIANA FUZARI.

17 de nov de 2010

CONSELHO DO PADRE JUSTINO


Néia, a paz contigo!
Deus está te ajudando, te despojando de todos os ídolos.
Um ídolo é um falso deus, mas que para nós tem muitíssimo valor, que quando nos é tirado é bastante dolorido.
É como se cavasse um buraco em nosso peito, fica um vazio enorme.
Este vazio é necessário para o nosso bem, para a nossa liberdade, para que, nesta situação, possamos livremente escolher onde queremos colocar nossa segurança: nos ídolos deste mundo ou no Deus verdadeiro.
Mas a nossa escolha náo está baseada em palavras e sim em gestos: na esperança e na perseverança na salvação que nos vem do Senhor.
Assim como Abraão quando tem que cortar os laços afetivos com seus parentes, ou como Jacó que tem que abandonar seus pais, depois deixar a casa de Labão e finalmente perder seu filho amado: José.
É um momento de purificação afetiva e a purificação, às vezes é um pouco dolorosa.
Porém, ânimo, o Senhor não te abandonará, "confia no Senhor e faze o bem... e ele te dará o que pede o teu coração", ainda que tenha que esperar um pouco como Abraão.
E uma coisa importante: não fique sozinha, tente, o máximo, ficar junto com pessoas, seja de amigos, seja os irmãos da comunidade. Vá visitar e chorar com eles. Não se isole. busque companhia. Não fique sozinha.

CONSELHO DE AMIGO

Acredite em você, no amor e, sobretudo, em Deus. Volte a ser feliz! Ele te quer sorrindo.

15 de nov de 2010

RETWEETS

"DEUS hoje olhou para mim, olhou pra mim com os dois olhos, olhou pra mim e sorriu"
Do livro "O que realmente importa?"

"FRASE DO DIA"


"Não sacrifique o dia de hoje pelo de amanhã.
 Se você se sente infeliz
agora, tome alguma providência agora,
pois só na sequência dos agoras é
que você existe."

12 de nov de 2010

Desafios para a Presidente Dilma Rousseff - Artigo de Leonardo Boff

Celebramos alegremente a vitória de Dilma Rousseff. E não deixamos de folgar também pela derrota de José Serra que não mereceu ganhar esta eleição dado o nivel indecente de sua campanha, embora os excessos tenham ocorrido nos dois lados. Os bispos conservadores que, à revelia da CNBB, se colocaram fora do jogo democrático e que manipularam a questão da descriminalização do aborto, mobilizando até o Papa em Roma, bem como os pastores evangélicos raivosamente partidizados, sairam desmoralizados.

Post festum, cabe uma reflexão distanciada do que poderá ser o governo de Dilma Rousseff. Esposamos a tese daqueles analistas que viram no governo Lula uma transição de paradigma: de um Estado privatizante, inspirado nos dogmas neoliberais para um Estado republicano que colocou o social em seu centro para atender as demandas da população mais destituida. Toda transição possui um lado de continuidade e outro de ruptura. A continuidade foi a manutenção do projeto macroeconômico para fornecer a base para a estabilidade política e exorcizar os fantasmas do sistema. E a ruptura foi a inauguração de substantivas políticas sociais destinadas à integração de milhões de brasileiros pobres, bem representadas pela Bolsa Familia entre outras. Não se pode negar que, em parte, esta transição ocorreu pois, efetivamente, Lula incluiu socialmente uma França inteira dentro de uma situação de decência. Mas desde o começo, analistas apontavam a inadequação entre projeto econômico e o projeto social. Enquanto aquele recebe do Estado alguns bilhões de reais por ano, em forma de juros, este, o social, tem que se contentar com bem menos.

Não obtante esta disparidade, o fosso entre ricos e pobres diminuiu o que granjeou para Lula extraordinária aceitação.

Agora se coloca a questão: a Presidente aprofundará a transição, deslocando o acento em favor do social onde estão as maiorias ou manterá a equação que preserva o econômico, de viés monetarista, com as contradições denunciadas pelos movimentos sociais e pelo melhor da inteligentzia brasileira?

Estimo que, Dilma deu sinais de que vai se vergar para o lado do social-popular. Mas alguns problemas novos como aquecimento global devem ser impreterivelmente enfrentados. Vejo que a novel Presidenta compreendeu a relevância da agenda ambiental, introduzida pela candidata Marina Silva. O PAC (Projeto de Aceleração do Crescimento) deve incorporar a nova consciência de que não seria responsável continuar as obras desconsiderando estes novos dados. E ainda no horizonte se anuncia nova crise econômica, pois os EUA resolveram exportar sua crise, desvalorizando o dólar e nos prejudicando sensivelmente.

Dilma Rousseff marcará seu governo com identidade própria se realizar mais fortemente a agenda que elegeu Lula: a ética e as reformas estruturais. A ética somente será resgatada se houver total transparência nas práticas políticas e não se repita a mercantilização das relações partidárias(“mensalão”).

As reformas estruturais é a dívida que o governo Lula nos deixou. Não teve condições, por falta de base parlamentar segura, de fazer nenhuma das reformas prometidas: a política, a fiscal e a agrária. Se quiser resgatar o perfil originário do PT, Dilma deverá implementar uma reforma política. Será dificil, devido os interesses corporativos dos partidos, em grande parte, vazios de ideologia e famintos de benefícios. A reforma fiscal deve estabelecer uma equidade mínima entre os contribuintes, pois até agora poupava os ricos e onerava pesadamente os assalariados. A reforma agrária não é satisfeita apenas com assentamentos. Deve ser integral e popular levando democracia para o campo e aliviando a favelização das cidades.

Estimo que o mais importante é o salto de consciência que a Presidente deve dar, caso tomar a sério as consequências funestas e até letais da situação mudada da Terra em crise sócio-ecológica. O Brasil será chave na adaptação e no mitigamento pelo fato de deter os principais fatores ecológicos que podem equilibrar o sistema-Terra. Ele poderá ser a primeira potência mundial nos trópicos, não imperial mas cordial e corresponsável pelo destino comum. Esse pacote de questões constitui um desafio da maior gravidade, que a novel Presidente irá enfrentar. Ela possui competência e coragem para estar à altura destes reptos. Que não lhe falte a iluminação e a força do Espírito Criador.


Leonardo Boff é teólogo e escritor

Os 4 maiores erros de uma liderança

Saia do Lugar - Da Redação

Junto com não saber delegar tarefas, aqui vão alguns dos erros mais comuns em liderança:



“Tudo gira em torno de mim”

Não deixe seu ego entrar na frente de sua liderança positiva. Para melhorar esse comportamento, faça sessões de feedback com seus funcionários e sempre pergunte a eles o que os impede de cumprirem suas obrigações de maneira efetiva.

“Ninguém consegue fazer isto melhor do que eu”

Não caia nessa, você estará caindo no velho erro de não saber delegar tarefas. É necessário confiar nas pessoas a seu redor e começar a se preocupar com o desenvolvimento delas.

“A minha ideia é a melhor ideia”

Para fugir dessa cultura é necessário estabelecer um nível alto de confiança em seu grupo de trabalho desde o começo. Outras pessoas também precisam sentir que estão dando sugestões que contribuem em decisões da empresa.

“Eu não preciso aprender a liderar”

Uma das coisas mais difíceis de serem aprendidas é que ser um líder efetivo nem sempre é algo nato. Por isso é sempre necessário receber feedbacks de pessoas de fora da sua organização, talvez um mentor ou um coach, para que você sempre renove seu estilo de liderança do modo que for necessário.





"CONVIVÊNCIA DE SHEMÁ - COMUNIDADE NEOCATECUMENAL"


De 12 à 14 de Novembro em Toledo, estarei participando da Convivência de Shemá com a 1ª Comunidade Neocatecumenal de Maringá , Kaloré e Campo Mourão.
O tema em discussão será "FAMÍLIA".
Estava mesmo precisando de participar desta convivência, por vários motivos, entre eles o Câncer que acabei de ser curada e que me fez repensar algumas coisas.
BOM FIM DE SEMANA E BOM FERIADO !

11 de nov de 2010

José Alencar sofre um infarto agudo e passa por cateterismo

folha.com

O vice-presidente José Alencar sofreu um infarto agudo do miocárdio por volta das 18h00 desta quinta-feira.
Segundo boletim médico do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, divulgado às 23h, Alencar foi submetido a um cateterismo, que não mostrou obstruções arteriais importantes.
O quadro clínico de Alencar é estável do ponto de vista cardíaco. O vice-presidente está na UTI.
Alencar está internado desde o dia 25 para tratar uma suboclusão intestinal. No dia 8 deste mês, ele voltou a se alimentar por via oral depois de passar duas semanas recebendo alimentação por sondas.
O vice-presidente, que enfrenta um câncer na região abdominal há mais de dez anos e já passou por mais de 15 cirurgias, está sofrendo com os efeitos colaterais do novo tratamento.
No começo de outubro, Alencar passou três dias internado no mesmo hospital.
Em setembro, o vice-presidente internou-se no hospital para tratar um edema agudo de pulmão.
Em julho, ele ficou sete dias internado no hospital. Ele passou por um cateterismo (exame para verificar as condições de vasos sanguíneos).
Por conta do tratamento, o vice-presidente decidiu não concorrer nas eleições deste ano, por considerar uma injustiça com os eleitores.
Alencar retomou as sessões de quimioterapia no início de setembro do ano passado, pouco depois de exames terem demonstrado que os tumores abdominais haviam voltado a crescer. Por isso, interrompeu o tratamento experimental a que se submetia nos Estados Unidos.

"SEMANA DE LUTA CONTRA O CÂNCER DE MAMA

"
Desde e 1988 o Brasil estabeleceu um dia de tentativa e luta contra o câncer da mama: o dia 27 de novembro. Em 2009 por força da lei municipal 1929/09, ficou estabelecido que esta data também seria marcada por atividades que reforçassem a conscientização da população acerca da doença e dos riscos em adquiri-la.

Tendo à frente a Vereadora Eliana Fuzari e demais entidades será realizada em Paiçandu, a Semana de Luta contra o Câncer da Mama, com atividades diversas sobre o tema em todas as unidades de saúde, e concentração na praça central, onde será instalada uma barraca para orientações.

Além das seguinte palestras:

•Dia 23/11 a partir das 19:30 hrs em Água Boa. Palestrante: Dr. Noel Meireles- Ginecologista.

•Dia 24/11 também ás 19:30 hrs no Jd Pioneiros (Salão Paroquial). Palestrante: Enfermeira Maria Lucia Rocha Silva.

•Dia 25/11 às 19:30 horas no Salão Paroquial Centro com o médico mastologista Dr. Marcelo Philip Leonardo.

"Frase do dia com Leonardo Boff"

"O G-20 se reunem para discutir moedas quando a grande questão é como proteger o Planeta e garantir o projeto planetário humano ameaçados."

Leonardo Boff

"ESCAFANDRO E BORBOLETA"

"Amanheci escafandro e espero terminar meu dia borboleta"

9 de nov de 2010

Sábio Almir Sater

... só levo a certeza de que muito pouco eu sei, eu nada sei... É preciso amor pra poder pulsar, é preciso paz pra poder sorrir, é preciso a chuva para florir...




7 de nov de 2010

"Equilíbrio econômico leva um Brasil mais forte ao G20"

Economistas enxergam país como um dos principais debatedores da guerra cambial na reunião de Seul

Ana Clara Costa
 
Apesar de ser um problema que envolve, prioritariamente, apenas duas nações –  Estados Unidos e China – a guerra cambial terá o Brasil entre seus principais debatedores na reunião do G20, que se inicia no próximo dia 10, em Seul, na Coreia do Sul.

O discurso de que os países deverão adotar uma estratégia alinhada para controlar as discrepâncias entre as moedas é defendido publicamente com fervor pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, e possui o aval de outros líderes mundiais, como o presidente francês Nicolas Sarkozy e a chanceler alemã, Angela Merkel. Na avaliação de Tito Cordella, economista do Banco Mundial para o Brasil, a união de pontos de vista entre os vinte países é imprescindível. “É importante que, durante a reunião, o Brasil se posicione como uma das principais vozes e que os países definam quais papeis terão para restabelecer o equilíbrio”, afirma.


A expectativa é de que a comitiva brasileira, encabeçada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a presidente eleita Dilma Rousseff e o ministro da Fazenda, Guido Mantega, chegue a Seul com um plano já pronto para apresentar aos líderes mundiais que estarão no encontro – e que apresente estratégias para resolver a questão cambial. “O fato de o Brasil ter passado bem pela crise e ter continuado com crescimento ascendente o coloca em uma posição de referência. É esperado que ele apresente algo para combater a valorização das moedas emergentes”, diz o economista João Branco, do núcleo de Relações Internacionais da ESPM-RJ.


Alinhamento entre Brasil e Europa –
Se, por um lado, EUA e China trocam farpas e tentam, com ações individuais, controlar a oscilação de suas divisas, os países que sofrem as sequelas dessa guerra, como o Brasil e as nações europeias, possuem opiniões convergentes. “Europa e Brasil são solidários a que se adote uma conduta sistêmica para resolver a questão cambial. Já EUA e China parecem ignorar os efeitos que isso pode causar no mundo”, afirma Louis Bazire, presidente do banco BNP Paribas no Brasil e da Câmara de Comércio França-Brasil.

A ministra das Finanças da França, Christine Lagarde, em entrevista ao Wall Street Journal, mostrou-se crítica à política americana de afrouxamento quantitativo (quantitative easing) – que prega a injeção de dólares no mercado por meio da compra de Títulos do Tesouro americano. Na avaliação da ministra, os reflexos disso sobre o euro ameaçam a economia de todo o continente, e não apenas dos países mais debilitados, como Portugal, Grécia e Irlanda. “Há uma necessidade imperativa de repensar o sistema monetário internacional e os mecanismos de cooperação”, disse Christine.


Pouco poder de voto –
Apesar de ser considerado um dos principais debatedores do encontro, o Brasil mantém a décima posição na lista dos países mais poderosos do G20. A lista é elaborada com base no poder de voto de cada nação e o Brasil é, atualmente, o membro dos Bric que menos poder possui. A China será o terceiro integrante mais poderoso do grupo, com mais poder de voto que Alemanha, França e Itália.

6 de nov de 2010

GOOGLE BLOQUEIA ACESSO DO FACEBOOK AOS DADOS DE USUÁRIOS

O Google informou na última sexta-feira que passará a bloquear o acesso de serviços como o Facebook aos dados de seus usuários. O gigante das buscas não permitirá mais que outras empresas utilizem contatos de e-mail registrados em seus sites para uso próprio, a não ser que a troca de informações seja recíproca. A companhia acusou o Facebook diretamente de se aproveitar dos dados de seus usuários.


Em comunicado, o Google afirmou que sites como o Facebook "deixam os usuários sem saída". Representantes da rede social não comentaram o caso ainda.

Embora o Google alegue buscar proteger o controle de seus usuários sobre seus dados pessoais na internet, analistas afirmam que a medida faz parte da disputa entre as duas potências da internet. "A base da dinâmica de poder na web hoje é esse conflito que surge entre Facebook e Google", disse o analista Ray Valdes, do Gartner. "O Google precisa evoluir para ganhar força nas redes sociais e ele ainda não conseguiu fazer isso", acrescentou.


O Facebook, que conta com mais de 500 milhões de usuários, depende de serviços de e-mail como o Gmail para ajudar novos usuários a encontrar amigos na rede social.

Reciprocidade -
 O Google acusou o Facebook de não ser recíproco, impedindo o acesso do Google a certos tipos de informações. "Decidimos mudar um pouco para refletir o fato de que nossos usuários muitas vezes não sabem que, quando você importa seus contatos para sites como o Facebook, efetivamente, eles ficam presos", disse o Google em comunicado enviado por e-mail. "Não permitiremos mais que sites automatizem a importação de Google Contacts, a não ser que permitam exportação semelhante para outros sites", afirmou o Google.



A companhia há tempos cobiça a riqueza de informação que os 500 milhões de usuários do Facebook geram e agregam. O acesso a esses dados pode ser especialmente valioso para o Google, uma vez que seu modelo de negócios se baseia em permitir que usuários encontrem qualquer informação em qualquer lugar na internet.


(Com agência Reuters)

5 de nov de 2010

Show do Roberto Carlos grátis em Curitiba


A apresentação faz parte da comemoração pelos 50 anos da RPC TV. Portanto, se você nunca teve oportunidade de curtir um show do Rei ao vivo, esta é a sua oportunidade, ainda mais que é grátis. Confira abaixo todas as informações:

Data: 06/11/2010

Horário: 20 horas

Local: Praça Nossa Senhora de Salete – Centro Cívico – Curitiba


Obs: Eu queria muito ir, gosto muito das músicas do Roberto, apesar de não ser "aquela" fã.

4 de nov de 2010


As coisa começam a clarear no momento em que damos brilho aos bons acontecimentos. Obrigada Senhor! Ninguém disse que seria fácil...

"COLOQUE UM TUBARÃO NO SEU TANQUE"



Os japoneses sempre adoraram peixe fresco. Porém, as águas perto do Japão não produzem muitos peixes há décadas. Assim, para alimentar a sua população, os japoneses aumentaram o tamanho dos navios pesqueiros e começaram a pescar mais longe do que nunca. Quanto mais longe os pescadores iam,mais tempo levava para o peixe chegar. Se a viagem de volta levasse mais que alguns dias,o peixe não era mais fresco.

Os japoneses não gostaram do gosto destes peixes.

Para resolver este problema, as empresas de pesca instalaram congeladores em seus barcos. Eles pescavam e congelavam os peixes em alto-mar. Os congeladores permitiram que os pesqueiros fossem mais longe e ficassem em alto-mar por muito mais tempo.
Os japoneses conseguiram notar a diferença entre peixe fresco e peixe congelado e, é claro, eles não gostaram do peixe congelado. Entretanto o peixe congelado tornou os preços mais baixos.

Então as empresas de pesca instalaram tanques de peixe nos navios pesqueiros. Eles podiam pescar e enfiar os peixes nos tanques como "sardinhas". Depois de certo tempo, pela falta de espaço, eles paravam de se debater e não se moviam mais. Eles chegavam vivos, porém cansados e abatidos.

Infelizmente os japoneses ainda podiam notar a diferença do gosto. Por não se mexerem por dias, os peixes perdiam o gosto de frescor.

Os japoneses preferiam o gosto de peixe fresco e não o gosto de peixe apático.

Como os japoneses resolveram esse problema? Como eles conseguiram trazer ao Japão peixes com gosto de puro frescor? Se você estivesse dando consultoria para a empresa de pesca, o que você recomendaria?

Quando as pessoas atingem seus objetivos - tais como: quando encontram uma namorada maravilhosa, quando começam com sucesso em uma empresa nova quando pagam todas as suas dívidas, ou o quer que seja ,elas podem perder as suas paixões. Elas podem começar a pensar que não precisam trabalhar tanto, então, relaxam. Elas passam pelo mesmo problema dos ganhadores de loteria, que gastam todo o seu dinheiro.

Para esses problemas, inclusive no caso dos peixes dos japoneses a solução é bem mais simples.

Para conservar o gosto de peixe fresco, as empresas de pesca japonesas ainda colocam os peixes dentro de tanques, nos barcos. Mas, eles também adicionam um pequeno tubarão em cada tanque. O tubarão come alguns peixes, mas a maioria dos peixes chega "muito vivo" e fresco no desembarque. Tudo porque os peixes são desafiados, lá nos tanques.

Portanto, como norma de vida, ao invés de evitar desafios, pule dentro deles. Massacre-os. Curta o jogo. Se seus desafios são muito grandes e numerosos, não desista, se organize! Busque mais determinação, mais conhecimento e mais ajuda.

Se você alcançou seus objetivos, coloque objetivos maiores. Uma vez que suas necessidades pessoas ou familiares forem atingidas, vá ao encontro dos objetivos do seu grupo, da sociedade e, até mesmo, da humanidade. Crie seu sucesso pessoal e não se acomode nele. Você tem recursos, habilidades e destrezas para fazer a diferença.

"Coloque um tubarão no seu tanque e veja quão longe você pode chegar..."