7 de dez de 2010

BRASÍLIA SEM ACESSIBILIDADE




Estou em Brasília desde ontem e confesso a todos que um pouco decepcionada.
Ainda hoje ouvia no noticiário local a notícia de um Evento Especial aos Portadores de deficiência física.
Em se tratando da Semana Nacional em Defesa dos Portadores de Deficiência Física, Brasília está muito longe de atingir sua meta, pois o Restaurante em que jantei ontem e o Hotel em que estou hospedada não estão preparados para receber Portadores de Deficiência.
Os Buffet  de ambos não possuem locais para os Portadores colocarem os pratos para se servirem.
Resultado: Sempre tendo que depender de alguém para colocar comida ou ficar com fome.
Como todos sabem sou Portadora de deficiência Física e viajo muito sozinha para os eventos a nível nacional, tanto da entidade que represento e também por outros motivos.
E meu grande anseio é ver os restaurante e hotéis preparados para receber os Portadores de Deficiência Física.
Quando se fala em Deficiente já logo se pensa em rampa e se esquecem que as deficiências são múltiplas.
Gostaria muito de ser chamada para um debate neste nível, de que as pessoas são diferentes e acessibilidade é multi e não una.
A esperança é chegar um dia aqui em Brasília e poder comer sem tem a necessidade de solicitar ajuda ou a um amigo ou para alguém da casa.
Particularmente eu não gosto e sem contar que é constrangedor, pois a primeira coisa que se passa na cabeça de quem não conhece e não sabe da nossa vida e das nossas lutas e de que somos coitadinhos e de coitadinhos não temos nada e sim apenas lutamos por nossos direitos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário