14 de set de 2012

CONTROLAR E FISCALIZAR OS ATOS DO PREFEITO, COMEÇA PELA NOSSA VONTADE DE INFLUENCIAR!

Há dias venho pensando de que forma podemos fazer a diferença num processo eleitoral em que as alianças partidárias servem aos interesses do poder econômico e dos profissionais da política!

Não tenho dúvida alguma de que um cidadão qualificado e admirado por ações e decisões, sobrevive tranquilamente caso não se eleja para cargos públicos, diferente dos que, sem mandato, irão cobrar a fatura ao governante de plantão; a contrapartida é a nomeação para uma Secretaria; chefias ou cargos de confiança que deveriam, naturalmente, ser ocupados por servidores de carreira!

A partir da análise dos apoios partidários que cada candidato a Prefeito atrai para a sua campanha, se tem uma clara idéias dos riscos, cada vez maiores, do cidadão continuar sem voz e sem espaço nas decisões que norteiam as suas vidas

Nenhum comentário:

Postar um comentário